Rafaela Baldaia

Esta senhora nasceu predestinada a ser uma astróloga de referência. O seu mapa natal  não desmente esta constatação. Tanto assim que até foi capaz de prever a chegada da Covid-19. Infelizmente, ninguém ligou nenhuma.

Rafaela Baldaia a molhar os pés na praia de Algés, nos arredores de Lisboa.
Sendo nativa de Peixes, não admira que goste de ter os pés de molho.

Pisciana nascida na Hungria, adotou um nome tipicamente português e prefere viver em Portugal (mais concretamente na região de Dornes, por causa da emanações energéticas da zona), acompanhada pelo Edgar.

O Edgar depois de canalizar as previsões induzidas por Ku Perny Ku

Este canídeo extraordinário tem uma função essencial na atividade desta consagrada astróloga, pois funciona como antena de recepção das intuições enviadas pelo mentor da sua dona – o sábio pleiadiano Ku Perny Ku – que opera a partir da 5D.

É uma honra apresentar as perspicazes (e, por isso, imperdíveis), previsões que Rafaela Baldaia redige, mensalmente, para o signo em vigor.

Todavia, como acontece com os génios, esta astróloga tem uma adversária formidável: Dona Brites, a Resmungona.

Como os textos destas duas senhoras formam uma simbiose indissociável,
apresento-os em conjunto.

Perfil de Dona Brites